Serviço de Animação Litúrgica cruz WhatsApp: (17) 3512-9014
liturgia@liturgia.pro.br


ATENDIMENTO
de 2ª - 6ª das 13:30 - 17:30
 
 
QUEM SOMOS   |   ARTIGOS SERGINHO VALLE   |   PEDAGOGIA DO MÊS   |   DIRETÓRIO LITÚRGICO   |   DEPOIMENTOS   |   FALE CONOSCO
 
 

XXII - 2022

Acesso às Propostas

Renove, assine, faça seu pedido ou faça download das propostas aqui:
Esqueceu sua senha?
Clique aqui
Ainda não tem cadastro?
Clique aqui

Confirmar Pagamento

Enviar Confirmação

E-book's

Pastoral Litúrgica, uma proposta um caminho

Para adquirir este ou outros e-book's, acesse a central do assinante e faça o seu pedido

Avisos

PROPOSTAS DE JULHO DE 2022

Comunicamos que :

As propostas de JULHO/22 já ESTÃO DISPONÍVEIS
NO SISTEMA. 
 
Para renovar ou fazer nova assinatura,
clique em um dos links, lembrando que para RENOVAÇÃO (caso saiba), adicione
código de acesso junto ao NOME.
 
 
ASSINATURA ANUAL:
 
ASSINATURA SEMESTRAL : 
 
Ou, Renove por PIX,
depósito tradicional, QRcode:    
 
- Número PIX: 44359918968;
- DEPÓSITO TRADICIONAL: 
Bradesco: ag 0023; cc 0131805-5
titular: Sergio Francisco Valle
Brasil: ag 0076-0 ; cc 9086-7 -
titular: Rosane Almada da Silva
-QRCode -  Aponte a camera
do seu app do BANCO
para nosso QR code abaixo:

 
 
Opção: PIX, Depósito
em banco ou QRCode
envie-nos comprovante
por e-mail ou por whatsapp:
*liturgia@liturgia.pro.br ;  
*17-35129014
 

Paz e Bem!
Ana
   

 

veja todos

Diretório Litúrgico


Diretório Litúrgico 

O Ano Litúrgico

A Liturgia...
Leia Mais

veja todos

 

Celebrações Especiais

Missa de Bodas Matrimoniais
Leia Mais

Novena do Padroeiro
Leia Mais

Semana vocacional - Grupos
Leia Mais

Semana vocacional - Liturgia da Palavra
Leia Mais

 
Interceder é preciso
25 de maio de 2013

Pedagogia de 2013 
Um mês que promete muito trabalho para as Equipes de Celebração, considerando que são seis celebrações a se preparar nesse mês. Um mês que será marcado pelo tema da intercessão, uma forma oracional muito presente na Igreja, que encontra nos três primeiros Domingos, sua fundamentação bíblica e seu incentivo para se colocar diante de Deus e interceder pelas necessidades pessoais e pelas necessidades de quem pede e necessita de nossas orações.  

Intercessão 
       O tema da intercessão tem grande importância na Bíblia, seja no Antigo como no Novo Testamento. Todos os livros bíblicos falam de homens e mulheres que intercederam graças e favores a Deus. Também a Igreja se mostra em perene intercessão, invocando a graça divina em suas necessidades (9DTC-C). Por isso, a importância de refletir, no contexto intercessor da Eucaristia, a importância da intercessão na vida pessoal do discípulo e discípula de Jesus e na vida da comunidade (10DCT-C). Junho se apresenta, portanto, nos três primeiros Domingos, como convite para rezar e incentivar a comunidade a ser intercessora com súplicas incessantes em favor da vida, para que o mal e a morte sejam afastados da comunidade e de toda a terra. 
      Outra característica da celebração Eucarística, do ponto de vista da intercessão, ilumina-se na reconciliação e, neste caso, na intercessão do perdão divino, condição indispensável para se viver em Cristo, como diz São Paulo (2L do 11DTC-C), e se tornar verdadeiros e autênticos discípulos e discípulas de Jesus e do seu Evangelho. Por isso, a verdadeira reconstrução da harmonia espiritual, deformada pelo pecado, só pode ser refeita pela dinâmica do perdão, que tantas vezes se intercede na Missa, invocando a misericórdia e a piedade divina. 

Fé e misericórdia 
      Outras duas luzes que iluminam as celebrações de junho são a fé e a misericórdia. Esta última no contexto da Solenidade do Sagrado Coração de Jesus, fazendo memória de como o amor misericordioso de Deus foi derramado em nossos corações. A misericórdia é uma luz que ilumina intensamente a celebração do Sagrado Coração de Jesus, uma vez que Jesus é fonte e manifestação da misericórdia divina, na terra. Não se trata somente de evocar atitudes misericordiosas da parte divina, mas assumir o compromisso, na celebração Eucarística, de se fazer misericordioso, com um coração semelhante ao Coração do Senhor. 
      A fé, por sua vez, é o elemento fundamental para se assumir o Batismo recebido na Igreja, o qual nos revestiu de Cristo e nos tornou filhos e filhas de Deus (12DTC-C). Ser revestido de Cristo significa tornar-se cristão, fazer-se um seguidor de Cristo, alguém que entra na escola do discipulado do Evangelho. A vivência no discipulado conduz à doação total da vida em prol do projeto divino, através da renuncia dos projetos pessoais. Só mesmo quem conhece Jesus sendo discípulo e discípula é capaz de tamanha doação e disponibilidade. 
      Um mês para se caminhar na prática da intercessão, que ajudará a assumir ainda mais autenticamente a fé recebida no Batismo e vivida na dinâmica da misericórdia, espelhando-se no Sagrado Coração de Jesus. 

Pilares da Igreja 
      Junho, com suas festas que comemoram os santos populares do Brasil, é concluído com a celebração de São Pedro e São Paulo. Uma celebração que enfoque a coragem de libertar-se de correntes que aprisionam a dinamicidade evangelizadora da Igreja, para combater o bom combate da fé, confessando e testemunhando que Jesus é o Filho do Deus vivo, aquele que em sua misericórdia torna a Igreja misericordiosa e a envia às periferias da sociedade e às periferias da vida. A proposta celebrativa de Pedro e Paulo contempla os primeiros passos e o pensamento de Papa Francisco.

Serginho Valle

Download
Tags: intercessão

VOLTAR