Serviço de Animação Litúrgica cruz WhatsApp: (17) 3512-9014
liturgia@liturgia.pro.br


ATENDIMENTO
de 2ª - 6ª das 13:30 - 17:30
 
 
PÁGINA INICIAL  |  QUEM SOMOS  |  ARTIGOS SERGINHO VALLE  |  PEDAGOGIA DO MÊS  |  DIRETÓRIO LITÚRGICO  |  FALE CONOSCO
 
 

XXI - 2021

Acesso às Propostas

Renove, assine, faça seu pedido ou faça download das propostas aqui:
Esqueceu sua senha?
Clique aqui
Ainda não tem cadastro?
Clique aqui

Confirmar Pagamento

Enviar Confirmação

E-book's

Pastoral Litúrgica, uma proposta um caminho

Para adquirir este ou outros e-book's, acesse a central do assinante e faça o seu pedido

Avisos

PROPOSTAS AGOSTO DE 2021

 Comunicamos que 

As propostas de AGOSTO/21 JÁ ESTÃO DISPONÍVEIS NO SISTEMA.
 
Se não estiver conseguido acesso é possível que sua assinatura tenha expirado. Fale conosco!!
 
Estamos operando com nova plataforma para BOLETO/CARTÃO: ASAAS. 
 
Temos também a transferencia por PIX.
 
Número PIX: 443.599.189-68.
 
Ou aponte a camera do seu app do BANCO para nosso QR code abaixo:
 
 
QRCode Pix Sal
 
Não esqueça de avisar por e-mail liturgia@liturgia.pro.br 
quando optar pelo QR code. Neste caso, informe seu código de asssinante e seu banco. Qualquer dúvida comunique!
Att.
Ana
 17-35129014
veja todos

Diretório Litúrgico


Diretório Litúrgico 

O Ano Litúrgico

A Liturgia...
Leia Mais

veja todos

 

Celebrações Especiais

Missa de Bodas Matrimoniais
Leia Mais

Novena do Padroeiro
Leia Mais

Semana vocacional - Grupos
Leia Mais

Semana vocacional - Liturgia da Palavra
Leia Mais

 
O novo de Deus
31 de dezembro de 2018

 Pedagogia de janeiro 2019

 
A pedagogia Litúrgica de Janeiro divide-se em dois momentos: o fim do Tempo Natalino e o início do Tempo Comum. Dado o contexto, vamos considerar separadamente os dois momentos.
 
Tempo de Natal
 
Bênção divina
O Tempo de Natal, celebrado no mês de Janeiro, comporta duas solenidades e uma festa. As solenidades da Mãe de Deus e da Epifania e a festa do Batismo de Jesus, que é a celebração conclusiva do Natal.
A pedagogia litúrgica presente nas propostas celebrativas do SAL (Serviço de Animação Litúrgica) inicia o novo ano civil refletindo a beleza da bênção divina encarnada no corpo de Maria, Mãe de Deus. Bênção que se apresenta como luz das nações, luz para iluminar e orientar todos os povos da terra nos caminhos de Deus. Bênção como convite para caminhar nos caminhos traçados por Deus e isso, com a consequência de se viver como filhos e filhas e de Deus.
Maria, a grande abençoada por Deus ensina, pelo seu exemplo (porque sua vida é praticamente silenciosa), a acolher a bênção divina através da meditação constante da Palavra de Deus num coração silencioso. Tal acolhimento permite ser como que formatado pela Palavra divina, para que a vida de cada filho e filha de Deus seja uma bênção viva, uma presença viva no meio do mundo.
Na celebração da Epifania, o contexto propõe a bênção divina como sabedoria divina iluminando a sabedoria humana. Aqueles Magos, em contexto simbólico, representam a peregrinação da humanidade em busca da sabedoria divina para iluminar todos os povos da terra. Trata-se de buscar a verdadeira bênção: a sabedoria divina, que não consiste em acúmulo de conhecimentos, mas na capacidade e na condição de perceber a presença de Deus agindo nos acontecimentos da História.
Por fim, a terceira bênção é aquela que torna os celebrantes compromissados com a evangelização, isto é, com a mesma missão de Jesus. Ele, Jesus, é a grande bênção de Deus, ele é a Boa Nova, o Filho amado do Pai; ele é o Evangelho vivo. Quem acolhe Jesus e seu Evangelho acolhe a grande bênção divina derramada na terra porque o Evangelho é bênção, não uma teoria e, como toda bênção, é um modo de viver.
 
 
Tempo Comum
 
O novo de Deus
O segundo momento da Pedagogia Litúrgica é o início da primeira parte do Tempo Comum, iluminado pelo Evangelho de Lucas. O que mais caracteriza o Evangelho lucano é a Boa Nova, o “novo de Deus”. Este “novo de Deus” é marcado por três palavras: justiça, vinho novo e bem comum. Justiça, como condição para se viver uma relação justa com Deus e com os outros. O vinho novo propõe um estilo de vida nova, no qual se bebe o vinho novo do Evangelho e, o bem comum, que se realiza pela partilha comunitária dos carismas.
No último Domingo de Janeiro (3DTC-C), estamos propondo aos celebrantes o acolhimento e o cultivo da Palavra de Deus pela Lectio Divina. A inspiração encontra-se na 1ª leitura, com a proposta feita por Esdras, ao povo de Deus. Um convite para iluminar a vida pessoal na Palavra de Deus, para que o hoje de Deus aconteça entre nós e para que a Igreja torne-se cada vez mais Corpo Místico de Cristo.
 
Conclusão
A Pedagogia Litúrgica de Janeiro 2019 convida os celebrantes a acolher a bênção divina como luz que ilumina a vida pessoal, que nos torna mais sábios e comprometidos com a evangelização. Uma Pedagogia Litúrgica para refletir o acolhimento do “novo de Deus” e se alimentar com a força da sua Palavra.
Serginho Valle
Dezembro de 2018
Download
Tags: bênção divina, novo de Deus

VOLTAR